sexta-feira, 20 de outubro de 2017

Foto promocional

O sofrimento patente e o reconforto presidencial, imagem certa, para a promoção desejada.

As câmaras televisivas e fotográficas estão atentas, e o espetáculo passa-se em sessões contínuas como no antigo Capitólio, agora em locais “aleatórios” de cinzas e sofrimento.

O Governo que se cuide, ele é bom taxista e sabe conduzir os acontecimentos!
 

PENSAMENTO PATRONAL

"É preciso acabar com o mito": "não sei por que não deve haver economia baseada em mão-de-obra barata. Senão não há emprego para ninguém"

Belmiro de Azevedo
Clube dos Pensadores
Gaia, 18 de março de 2013

quinta-feira, 19 de outubro de 2017

Mais uma voz forte


Quem não conhece esta personalidade!

Opinião no Público ler (aqui)

O clima não explica tudo



«O calor e a secura propagam e alastram os fogos mas não os iniciam.

Os imensos e trágicos incêndios do passado fim-de-semana (falou-se em mais de 500), alguns iniciados de noite, afiguram-se-me como que um “aproveitar” os últimos dias deste Verão que nos entrou Outono adentro (pois sabia-se que a chuva vinha aí) para dar continuidade a uma guerra surda contra o Governo legítimo cujos sucessos são, por demais, conhecidos cá dentro e lá fora.
Basta ler e ouvir os comentadores dos jornais e das televisões ao serviço dos poderosos, para perceber como esta tragédia nacional continua a ser utilizada por eles nesta guerra. E a verdade é que têm tirado algum proveito (não todo) desta estratégia. É notório que o Governo está fragilizado. Também por culpa sua, diga-se, que, em minha opinião, não soube ou não quis “partir a loiça” na altura certa. Neste momento, e com tamanha e bem orquestrada campanha contra a “geringonça”, a sorte do Governo é que a mais do que fragilizada oposição não tem nada a propor aos portugueses.»

FOTOGRAFIA DA MANHÃ

Abertura do Congresso do Partido Comunista da China
2.287 delegados
!

2.287 delegados
!