domingo, 10 de maio de 2015

O peregrino e a PJ


O peregrino e a PJ

«Suspeito de fraude de várias dezenas de milhões detido pela PJ quando ia a pé para Fátima».

Há os que vão a Fátima pedir trabalho cruzando-se com os que sem nada fazer vivem do suor alheio. A fé tanto alimenta o ladrão como o espoliado mas nem sempre o negócio resulta. O desempregado regressa com os sapatos rotos e o “suspeito” (Sócrates é um suspeito…) detido fazia a peregrinação por etapas. O motorista reconduzia-o aos seus afazeres para recomeçar a penitência no dia seguinte. Fátima exige pagamento a pronto e não em prestações, preferindo mesmo os que pagam para que alguém caminhe por eles, biscate que os desempregados aproveitam e agradecem à santa.

O “suspeito” fica com a promessa por cumprir e de fé abalada. O negócio não resultou. Não desespere porque Deus escreve direito por linhas tortas e, volte quando sair da choça podendo optar pela "peregrinação de joelhos". Aprenda a oração aqui, em "as palavras são armas. Boa vilegiatura!
 
ORAÇÃO ANTES DA
PEREGRINAÇÃO DE JOELHOS
Santíssima Trindade
Pai, Filho e Espírito Santo,
adoro-Vos profundamente.
O meu coração exulta
por tantos benefícios
que me haveis concedido.
Ajudai-me a reparar com o bem
o mal dos meus pecados.
Aceitai esta peregrinação de joelhos
até ao lugar bendito
onde Maria nos comunicou
a certeza do Vosso Amor.
Por este sacrifício
imploro a bênção do perdão
sobre os pobres pecadores
a fim de que todos,
abertos à mensagem do Evangelho,
gozemos de paz no tempo presente
e cheguemos um dia às alegrias eternas.
Por Cristo, Senhor Nosso. Ámen.

2 comentários:

Rogerio G. V. Pereira disse...

Não sei quem tem poderes
para tais escritas
mas esta oração
parece ter sido feita
de encomenda

a data podia esclarecer tudo
a menos que Deus,
na sua infinita sabedoria antecipasse
a natureza do recluso

Pata Negra disse...

Ai!Ai!Ai!... Amigo e camarada, não me fales de orações, nem de milagres, nem de peregrinos. Ouço os coletes amarelos deles no meu arrebate. Respeitar?! Pois claro que respeito! Mas respeitariam eles se eu lhes dissesse que não rezo a bonecos de cerâmica; que deduzo pelos testemunhos próximos que a mentira é tão grande que não é conveniente ser desmascarada; que eles são atropelados porque é importante que o o seu estúpido sofrimento seja visto pelo condutor comum?!
Claro que não me respeitariam! Portanto, a respeito deste confronto de "respeito contra respeito" eu respeito mais e, por isso, estou acima.
Pobres peregrinos!... Mas ninguém fala da polícia que lhe abre faixas de autoestradas proibidas a peões, dos escuteiros que lhes escondem os carreiros dos lindos vales e lindas serras que temos, muito menos ninguém fala dos padres que têm a língua no escuro do orifício das caixas das esmolas! Puta que pariu a santa que eu respeito! Tomara eu que os que a respeitam me respeitassem a mim!
Um abraço e agora vou tratar duma bolha nos chinelos
A PJ prendeu um? Devia prender a santa - que tem pra lá ouro de origem pouco lícita!...