terça-feira, 23 de fevereiro de 2016

HUMANISMO = SOCIALISMO

Contingente médico cubano nomeado para Prémio Nobel da Paz
Manuel Ramos-Horta, ex-presidente de Timor Leste, anunciou que na condição de Prémio Nobel da Paz propôs o contingente médico cubano Henry Reeve para merecer este alto reconhecimento.

Ramos-Horta durante o X Congresso Internacional Universidade-2016,  afirmou que nenhuma instituição ou grupo merecem mais esta distinção que esses médicos, enfermeiros e técnicos dado o extraordinário apoio que têm prestado a nível mundial.
Referiu que quando se fala de educação inovadora para servir o povo e a sociedade toda, há que mencionar os médicos cubanos, e que o propósito da Educação está na formação de profissionais que ponham o seu saber ao serviço da Humanidade.

Enquanto Cuba tem uma enormidade de terapeutas ao serviço dos povos, há potências económicas que utilizam os seus recursos com outros fins, e não se trata que todos tenham brigadas médicas, mas também agrícolas ou de outros sectores.
Timor-Leste mantém com Cuba relações de cooperação há mais de dez anos em matéria de Educação e Saúde “o que nos permitiu formar centenas dos nossos estudantes aqui”, assinalou.

Recordou ainda que graças à sugestão de Fidel Castro, hoje têm uma escola médica com a tutoria de professores cubanos que já formou cerca de mil doutores, o suficiente para oferecer aos timorenses um serviço de qualidade.

2 comentários:

Luis Salgado disse...

Estou inteiramente de acordo porque os Médicos Cubanos são formados com DINHEIROS públicos para servir o seu Povo e não para se Servirem do seu Povo. BOA NOITE. CUMPRIMENTOS.

Olinda disse...

Cuba é um exemplo para o mundo.Uma nomeação desta índole,embora reconhecida,não seria do agrado dos que pretendem ocultar,que outro tipo de sociedade é possível.Quando se atribui um nobel da paz a Obama,sabemos o critério de quem tem tais poderes de decisão.Abraço