quinta-feira, 6 de agosto de 2009

Qualquer estúpido compreende

Cuidado com o bloco

O matutinoPúblicopertence a um magnata da nossa praça que paga mal a quem o serve e advoga que é preferível ganhar ainda menos do que estar desempregado.

«Presidente do gigante grupo empresarial Sonae, o mais poderoso grupo económico português, Belmiro de Azevedo é um dos maiores empresários do País. De “enfant terrible” a magnata dos negócios, a trajectória deste homem é imparável. Detém a rede de supermercados Modelo e Continente, o jornalPúblico”, a Optimus, além do braço estratégico dos centros comerciais. É o único português a figurar na lista dos homens mais ricos do mundo. Actualmente, está no processo arrojado de lançamento da OPA sobre a Portugal Telecom. “Olha para o mundo como D. João II. Para ele, tudo é conquistável”, diz o jornalista Carlos Magno

O “bloco” diz combater os exploradores. Grita e esbraceja contra a acumulação da riqueza.

Na sequência da promoção feita neste jornal, dito de referência, ao “bloco” refiro as mais recentes:

No dia 5 quarta-feira, no jornal deste benfeitor e em lugar de relevo a fotografia do ícone do “blocopara justificar o nada que disse. Na página seguinte maisbloco” e ainda maisbloco” noutra página com soluções para os desalojados. Hoje quinta-feira e em destaque a fotografia do “líder” e meia página dedicada ao “bloco”.

Qualquer estúpido compreende!

Ou não?!


Nota: "A GRande Entrevista" da Judite de Sousa feita a Jerónimo de Sousa serviu para promover o "bloco". Eles gostam tanto do "bloco"...

1 comentário:

CRN disse...

Fernando,

Esqueceste-te da "Worten", uma das maiores cadeias de electrodomesticos do País e um dos maiores investimentos comerciais em Espanha durante o passado ano.

Saudações