terça-feira, 31 de dezembro de 2013

SUSTO



Quem é que não se assusta com esta manchete do Público?
Liquidá-los sim, mas não literalmente.
Liquidar-nos é a tarefa que lhes tem sido atribuída e continuam a cumprir magistralmente. Pagam-lhes bem, asseguram-lhes futuro promissor e como são isentos de escrúpulos sonegam-nos os meios indispensáveis à sobrevivência. Tirando-nos o acesso à saúde, alimentação e trabalho matam-nos lenta e impiedosamente, com o sadismo próprio aos criminosos em série. Terroristas ao serviço dos banqueiros fruto do neoliberalismo. Fazem parte da quadrilha oficial de crápulas, escroques e burlões. Liquidar este governo é tarefa que se impõe em 2014.

3 comentários:

Graciete Rietsch disse...

Sem dúvida. A luta endurecerá no próximo ano.

Um abraço.

Luís disse...

Só não acreditei na ligação manchete-foto porque pensei logo: estes tipos não andam de autocarro!
Se fosse um avião...
Um abraço público e a pé

Luís disse...

Só não acreditei na ligação manchete-foto porque pensei logo: estes tipos não andam de autocarro!
Se fosse um avião...
Um abraço público e a pé