quinta-feira, 20 de agosto de 2015

Simulações, dissimulação ou simulacro?

Dos jornais:  “PS simula criação de 207 mil postos de trabalho até 2019” 
Por acaso e também dos jornais: «Economia dos EUA cria 217 mil empregos». ~Mais um pequeno ajuste no espaço e no tempo…

 “O secretário-geral do PS, António Costa, e o economista Mário Centeno deram a cara pela defesa da criação extra de 207 mil empregos no espaço de uma legislatura. No anterior documento económico apresentado pelo PS, essa estimativa não aparecia.”

– Foi assim: lembraram-se que no cartaz de Sócrates o embuste tinha resultado e colocaram mais um faz-de-conta no documento fabricado pelos dez sábios.
Se este cartaz resultou, basta mudar o figurante e rasurar os três primeiros números e, o “VOLTAR A ACREDITAR” surgir com mais nitidez, não haja quem ouse duvidar.
Há no entanto uma questão para a qual ainda não encontrei resposta: o PS está mesmo interessado em, tal como afirma, ganhar estas eleições?

2 comentários:

Luís disse...

Tudo tem de ser feito para que nasça um novo Bloco - o Central.
Estes "balsemerdas" adoram blocos - nunca andaram nas obras!!!.
Um abraço e boas costas

Olinda disse...

Serâ que nao existe uma estratêgia,por detrâs de tanta asneira?Abraco