domingo, 19 de maio de 2019

- «O futebol é apenas mais um desporto»



- «O futebol é apenas mais um desporto»

- «Se queremos que nos respeitem, temos que respeitar os nossos adversários»

- «Devíamos colocar nas questões verdadeiramente importantes, como a nossa saúde, a nossa educação, a política e a economia, o mesmo empenho que colocamos no futebol»

- «Se tivéssemos tanta dedicação pela saúde, educação, economia e política, podíamos ser um grande país»

- «Ninguém sai desta praça sem a praça estar limpa».

Bruno Lage, treinador do Benfica,
Praça Marquês de Pombal, 18 maio, final dos festejos.

Saíram e não limparam, não estão treinados em civismo!



MÉXICO “Presidente Esperança”


 

Ninguém fala do México, a media à trela do gringo seu mentor, aguarda diretrizes. Nos laboratórios da insidia, o pérfido vizinho analisa letra a letra tudo o que diz ou pretende dizer Obrador, e no abecedário do crime fabrica a fagulha que ative o rastilho para fazer deflagrar a bomba do ódio e abra o caminho ao engenho letal.

Esqueçamos, mantendo em memória, o vómito que emporcalha o Brasil, certos de que o povo saberá dar, já está dando, a resposta necessária. O México é a nossa esperança, “aproveitem a oportunidade” diz o homem que veio dar alento a toda a América Latina e Caribe, a honestidade e competência que chegou à hora certa para impedir a tragédia já à beira do abismo.

ABRACEM O MÉXICO PERFILHEM A ESPERANÇA

sábado, 18 de maio de 2019

Sondagens, técnicas de manipulação


a] Os inquéritos e sondagens de opinião

Transformaram-se atualmente numa verdadeira indústria de que a política e outras indústrias mal podem prescindir. São técnicas para averiguar e determinar os hábitos e preferências individuais e coletivos. Não são, de modo algum, instrumentos neutrais, uma vez que os gostos e as tendências humanas não podem ser separados das relações sociais em que existem. A sua publicação pode, inclusivamente, criar, ela mesma, estados de opinião; através dela podem dissipar-se as dúvidas dos indecisos, pode estimular-se o espírito gregário. Pelas sondagens não se pretende ficar a saber o que as pessoas desejam, mas antes se os métodos anteriormente empregues foram eficazes ou se, pelo contrário, é preciso modifica-los. A indústria dos inquéritos e sondagens emprega-se, consabidamente, para dirigir gostos e decisões, tanto na compra de bens de consumo, como nas eleições políticas.

In Técnicas de manipulação
A Formação da Mentalidade Submissa
Vicente Romano

sexta-feira, 17 de maio de 2019

Senhor Santana: - Que SNS é este?


Na tarde do mesmo dia em que é publicada esta prenda, Santana Lopes despista-se, é desencarcerado e conduzido de helicóptero para o Hospital Universitário de Coimbra, onde uma equipa composta por bolcheviques, lhe prestou os melhores cuidados.

Os casos graves e dispendiosos como os que aconteceram ao senhor Lopes, vão para o SNS e são  pagos com os nossos impostos.

Deus por vezes está atento às bacoradas dos seus fieis e, Santana Lopes, fervoroso católico, se tivesse condições poderia refletir sobre este recado do Divino.

quinta-feira, 16 de maio de 2019

Os “imprudentes…”


De acordo com a imagem, apenas o Basta, o CDS e o Nós, Cidadãos são totalmente a favor da “defesa da vida”,

«Patriarcado de Lisboa apelou ao voto no Basta, CDS e Nós, Cidadãos»

Sabidos que são, lançaram a mensagem que se tornou viral, como agora se diz, e, recado dado, com a habitual lábia jesuíta confessam-se arrependidos, persignam-se, mastigam ave-marias, batem com a mão no peito “mea culpa, mea culpa, mea maxima culpa.” e riem de nós e da democracia.

«Publicação feita no Facebook já foi, entretanto, apagada após a polémica que se gerou nas redes sociais. O gabinete de comunicação de D. Manuel Clemente reconheceu, entretanto, ter-se tratado de uma "imprudência".»

quarta-feira, 15 de maio de 2019

Contradições?

Noticiário das 13 horas num dos canais de televisão.



A promoção do Bloco pela estação do Balsemão – como convivem tão bem estes dois extremos – foge sem pudor ao jogo democrático propalado pelo sistema vigente.
 
Estamos em campanha eleitoral, VOTO nos deputados da CDU que se têm destacado pelo trabalho e competência.

O que levará o homem forte do Bilderberg em Portugal a promover um partido que pretensamente é contrário aos seus interesses?

QUEM SOUBER QUE RESPONDA.


segunda-feira, 13 de maio de 2019

Joe o Comendador

Em 1985 recebe o grau de Comendador da Ordem do Infante D. Henrique* entregue por Ramalho Eanes, e em 2004 a Grã-Cruz da mesma Ordem, para que não restassem quaisquer dúvidas. Com tão eficiente gazua todos os cofres se abriam ao self-made man, buçal mas não parvo. Marcelo Rebelo de Sousa em 2007 elege Joe Berardo como “figura do ano no meio empresarial”.

Eu absolvo-o e reclamo que seja condecorado com todas as ordens e desordens deste reino da corrupção, e reivindico que sejam julgados os coniventes no saque dos mil milhões de euros. Um crime desta dimensão só foi possível com a cumplicidade de responsáveis do BCP, Novo Banco, CGD, BdP e da exaltação de um crápula que, muito naturalmente, se ri de nós.
*Prestação de serviços relevantes a Portugal, no País ou no estrangeiro, ou serviços na expansão da cultura portuguesa, da sua História e dos seus valores.